Bicentenário da Independência do Brasil! 

River e Português sem Fronteiras, se juntaram em uma parceria muito especial para o Bicentenário da Independência do Brasil, onde irão contar de forma simples e muita sucinta a história do Brasil entre a chegada de Dom João VI e a proclamação da independência.
• Imagens de Luis Gustavo – River
• Texto de Maria José Maciel – Português sem Fronteiras

Ilustrações e Desenhos para colorir

Além das ilustrações originais, estamos disponibilizando, desenhos para a criançada colorir.

É só clicar no botão abaixo e baixar o arquivo para imprimir:

Como tudo começou?

Em 1808, o rei de Portugal e sua família tiveram de ir para o Brasil, pois a França estava em guerra contra a Inglaterra e também tinha invadido Portugal.

Com a vinda do rei, o Brasil deixou de ser colônia e passou a ser parte do Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves. Estando no Brasil, o rei Dom João VI, começou então algumas mudanças.

  • Abertura dos portos brasileiros para comércio com o Reino inglês.
  • A instalação do Tribunal de Justiça no Rio de Janeiro.
  • Construção de estradas.
  • Reformas em portos.
  • Criação do Banco do Brasil.

Em 07 de setembro de 1822, o filho do rei Dom João VI, Pedro, proclamou a independência do Brasil às margens do Rio Ipiranga em São Paulo. Pedro tornou-se, então, o primeiro imperador do Brasil, sob o nome Dom Pedro I.

Conheça
algumas mulheres importantes
na luta para a independência
do Brasil

Maria Felipa de Oliveira
Junto com negros e índios, contam que Maria Filipa de Oliveira lutou contra os portugueses que atacavam a Ilha de Itaparica na Bahia e que seu grupo queimou 40 barcos portugueses que estavam ao redor da ilha!

Maria Quitéria de Jesus
Maria Quitéria fez de conta que era homem para entrar na guerra contra os portugueses. Ela lutou em várias batalhas e ganhou medalha do rei por isso. Ela foi a primeira mulher a fazer parte do Exército Brasileiro.

Joana Angélica de Jesus
A religiosa Joana Angélica morreu tentando impedir que soldados portugueses entrassem no seu convento na Bahia à procura de armas e soldados brasileiros.

Maria Leopoldina da Áustria
Portugal queria que Dom Pedro I voltasse, mas ele não queria. Como ele estava viajando, sua esposa Maria Leopoldina assinou a independência do Brasil. Quando ele recebeu a notícia, em 07.09.1822, proclamou a independência do Brasil às margens do Rio Ipiranga.

Em 07 de setembro de 1822, o filho do rei Dom João VI, Pedro, proclamou a independência do Brasil às margens do Rio Ipiranga em São Paulo. Pedro tornou-se, então, o primeiro imperador do Brasil, sob o nome Dom Pedro I.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: